Cultive Resistência promove práticas, táticas e pensa uma outra forma de vida, uma vida que busca Autonomia, Liberdade e Respeito para as pessoas, a terra e todos os seres.

As táticas de resistência para conseguirmos chegar em nosso objetivo são inúmeras: a Permacultura, as práticas Faça-Você-Mesma, o Anarquismo, o cuidado com a nossa Alimentação e nossa Saúde, o cuidado com as pessoas, Cooperativas, Comunidade, Solidariedade, Consenso, Diálogo, o Veganismo (anti especismo) e as lutas por empoderamento e emancipação.

Acreditamos que as lutas estão inter-relacionadas e se complementam mutuamente e, além disso, estes também são os temas que nos inspiram e que nos mostram um futuro mais autônomo, cuidando da Terra, das Pessoas e com um sistema baseado em aprendizado, trocas, distribuição e valores justos, criando ambientes saudáveis e livres.

Nossa organização é baseada na livre vontade, sem hierarquia e todas as decisões são tomadas por consenso, incluindo compartilhamento de trabalho e distribuição de tarefas. Queremos construir uma outra forma de nos relacionar com tudo que tocamos.

Visando alcançar cada vez mais lugares e realidades, trabalhamos em parceria com outras pessoas ou grupos que compartilham as nossas preocupações em torno da justiça social e ambiental.

O Cultive Resistência não tem um número certo de membros, alguns dos nossos projetos são feitos e organizados por todos, mas não necessariamente trabalhamos dessa forma, portanto, projetos podem ser feitos por apenas uma pessoa, duas, três ou por todas juntas. Cada pessoa no grupo tem total autonomia para desenvolver seus projetos e trabalhos.

Você pode estar nos conhecendo melhor fazendo parte de algum encontro, uma atividade ou até mesmo pelo nosso site, nas fotos das vivências, dos nosso projetos, nas nossas publicações.  Cultive Resistência é uma ideia, um sentimento, um ato. O que é imprescindível para nós são as ideias e não nomes ou rostos. Uma universidade ou um curso que frequentamos, um evento ou oficinas que promovemos não nos faz melhor que ninguém, todos somos capazes. Estamos aqui para ensinar com nossas experiências e aprender com as suas, assim cresceremos juntas!

Cultivemos nossa resistência!